Estou Desempregado, E Agora!?

2 699

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Fala minha galera inspiradora, tudo bem com vocês? Primeiramente, gostaria de agradecer a vocês pelos inúmeros acessos do nosso texto anterior.  A participação de vocês foi show!

Hoje vamos falar de uma situação, que aos olhos de muitos, pode parecer uma situação desesperadora, tensa e triste, no entanto, se pararmos para pensar direitinho, conseguiremos ver, talvez, o seu lado positivo. Vamos falar do desemprego?

Nos últimos anos, o índice de desemprego vem crescendo a cada dia. De acordo com IBGE, (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2016) estipula-se que cerca de 10,4 milhões de brasileiros estão desempregados, devido a uma crise na economia brasileira. Esse fato faz com que a procura pelo emprego aumente e a oferta diminua. Em consequências disso, muitas pessoas aceitam um trabalho com condições precárias, salários baixíssimos e diminuindo o valor da sua mão-de-obra pela necessidade do trabalho.

E então, eu pergunto a vocês Jovens Inspiradores: Será mesmo que necessitamos passar por isso? Seria essa a única solução? A resposta para essas perguntas é claro e evidente que não. Não precisamos aceitar isso! Nesse texto vou ensinar a vocês alguns passos para driblar o desemprego.

A primeira dica é como eu já disse, não veja a situação que se encontra como um problema. Pense pelo lado positivo e tire proveito disso. Aproveite o tempo ócio para tentar se qualificar mais, atendendo as demandas do mercado de trabalho. Existem inúmeros sites que oferecem cursos profissionalizantes gratuitos e que disponibilizam o certificado, que é um grande diferencial na avaliação do seu currículo e na procura do emprego.

A segunda dica é criar seu networking (rede de contatos). Lembra-se daquele amigo da faculdade? Ou aqueles colegas que trabalharam com você nos outros empregos? Retorne o contato com eles. A partir dessa nova relação, eles poderão indicar você para alguma outra pessoa, que poderá te indicar para outra e assim sucessivamente, aumentando cada vez mais a sua rede de contato.

A terceira dica é abusar das redes sociais e tratá-las como suas aliadas. No Facebook, por exemplo, há vários grupos que disponibilizam vagas de emprego. Procure-as e defina quais se associam ao seu perfil profissional. Vale ressaltar que o Linkedin também é um ótimo site de procura de emprego, no qual você cria o seu próprio perfil profissional e a sua rede de contatos. As empresas adoram esse site.

Mas se você está cansado (a) de fazer isso tudo e não aguenta mais essa vida de desempregado, faça o jogo virar meu caro. Empreenda! Essa é a nossa quarta dica. Valorize o que você sabe fazer de melhor e transforme suas potencialidades em habilidades para ganhar dinheiro. Parece difícil, mas você verá como tudo se torna mais fácil depois. Além do mais, se encontrar muitas dificuldades nesse desafio, contate o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas). Eles terão ótimas dicas para você desenvolver o seu próprio negócio.

No mais, acredite em você e lembre-se: “O que parece ser o fim de tudo é apenas o começo de grandes conquistas.”

Grande abraço e boa sorte!

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

2 Comentários
  1. Thayana says

    Poderia dar alguns sites que oferecem cursos profissionalizantes gratuitos e que disponibilizam o certificado?

    1. MARCOS MENDES says

      Oi Thayana, tudo bem? Primeiramente, obrigado por ser uma das nossas leitoras. Sua participação aqui conosco é muito importante para nós. Com relação a sua pergunta e inspirado por ela, estou preparando um novo post com os sites mais acessados para a realização de cursos profissionalizantes gratuitos e que disponibilizam o certificado. Aguarde e venha conferir… Logo Logo no site! Beijos

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.