Afinal, O Que é Lean Startup?

0 88

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

As startups geralmente são formadas por um grupo de pessoas que procuram um modelo de negócio repetível e escalável. Além de trabalhar em condições de extrema incerteza, na fase inicial, desenvolvem produtos ou serviços inovadores com potencial de rápido crescimento. Porém, não há garantia se aquela ideia e projeto de empresa irá dar certo, se o modelo de negócio vai gerar valor e se vai ser capaz de entregar o mesmo produto em escala ilimitada.
Em uma tradução livre, lean startup significa: startup enxuta. E em geral, é representada por um empreendedor que tem uma ideia de negócio inovador. Depois dele traçar o plano de negócios, usando ferramentas como o Canvas e fazendo diversas pesquisas de mercado para atingir um cliente ideal (o seu “Avatar”), apresenta a ideia aos investidores com o objetivo de captar recursos, montar equipes de produção ou programação e em seguida, lançar seu produto ou solução no mercado.
Lean Startup como metodologia 
Essa metodologia ajuda pessoas com ideais inovadoras a lançarem e desenvolverem seus produtos. O grande desafio é aplicar esforço e recurso financeiro num produto que o cliente ainda não está convencido da sua utilidade e/ou funcionalidade.
De acordo com Steve Blank, professor associado da Stanford University, o método Lean Startup está apoiado em três importantes pilares: um plano de negócios raramente sobrevive ao primeiro contato com clientes; ninguém precisa de um plano quinquenal que tente prever coisas totalmente incertas; e uma startup não é uma versão menor de empresas de grande porte, não evolui de acordo com um plano-diretor.
Vantagens do método Lean
O objetivo do Lean é criar produtos mais simples até se chegar ao conceito certo. Ao invés de lançar um produto extremamente caro que ninguém quer, busca entender a necessidade do cliente para a composição da sua ideia de produto ou serviço. Ao contrário da administração tradicional, que nos leva à construir e planejar um produto em seus mínimos detalhes e depois perceber que criou um produto totalmente dispensável, algo que os clientes não querem. As principais vantagens do método Lean para startups são:
1) Em vez de perder meses com planejamento e pesquisa do produto ou serviço, o empreendedor aceita que de saída, possui apenas uma série de hipóteses não comprovadas;
2) Testa hipóteses com a abordagem chamada de “desenvolvimento com clientes”;
3) Adota o “desenvolvimento ágil”. Muito embora seja uma prática originada no setor de software, está diretamente ligada ao desenvolvimento com o cliente. É o processo pelo qual a startup cria um produto ou serviço na versão mais simples e viável para ser testada e receber feedback do cliente.
Por fim, a ideia do Lean Startup é fazer as tarefas da sua solução da forma mais simples possível, usando o mínimo de recursos e o máximo de velocidade na criação de um produto ou serviço.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.